Posted by: carlosgrohmann | December 24, 2010

AGU 2010 Fall Meeting: wrapping up

[EN]
Well, after five days in San Francisco, I’m on a plane to New York, for a bit of tourism in New York before leaving the US (and the cold) back to the Brazilian summer. This was on big meeting, by far the largest I’ve been. As usual, conferences are very usefule for meeting new people, establishing connections for future work/research or just for having a good time. In my case, I also learned a lot. Since I’m with the organizing comitee for the next Brazilian Geological Congress, I paid attention on how some things are done here so maybe we can use that experience in Brazil.

[PT-BR]
Muito bem, uma semana de congresso se passa e estou agora em um voo para New York, afinal ninguém é de ferro e passer um pouco é sempre bom. O congresso da AGU é gigante, muito maior do que qualquer coisa que eu já tenha frequentado. Foram quase 19.000 participantes e mais de 16.500 trabalhos entre apresentações orais e painéis (cerca de 4000 painéis por dia!).

Participar de um evento desse tamanho é muito bom, não só para fazer contatos e conhecer gente nova, mas também para aprender. Já que estou na comissão organizadora do próximo Congresso Brasileiro de Geologia, aproveitei para prestar atenção em como algumas coisas foram feitas aqui para, quem sabe, fazer também no Brasil.

Tivemos um momento muito interessante que foi a “Social Media Soirèe”, onde juntamos todos os que participam ou desejam participar (ou apenas têm interesse) nas mídias sociais, como blogs o twitters de divulgação científica. Foi realmente muito legal. A Maria-José Viñas, que é acessora de imprensa da AGU (e a “vos” por trás do @thaAGU) fez um trabalho excelente. Foram umas duas horas de boa conversa e boa cerveja (combinação ideal). Bons contatos foram feitos, com certeza. Tivemos até a presença do novo Chief Information Officer da AGU, que veio para nos perguntar pessoalmente quais nossas ideias para melhorar ainda mais e interação da AGU com o público. Fiquei feliz que ele gostou bastante da min ha ideia de que a AGU deveria ter seu próprio URL shortener (como o bit.ly o e goo.gl), que eu acho que deveria er a.gu.

Outro ponto interessante é a experiência pessoal. Quando se participa de um evento menor, é sempre possível combinar com amigos de se encontrar “por aí” no dia seguinte. O espaço não é tão grande e a quantidade de pessoas também. Aqui não. é muita gente, muita mesmo. Não dá pra dizer “a gente se encontra amanhã”, a não ser que você marque um local e horário. Isso pode ser ruim para quem está sozinho (como eu estava). Você até encontra um conhecido, ou conhece alguém novo, mas pode ficar difícil reencontrar essa pessoa. Então fica uma dica, não vá sozinho. A não ser que você seja do tipo que que se mistura facilmente e faz amigos em qualquer canto (eu não sou).

Mas de qualquer maneira, vá. A AGU é uma organização gigantesca, com dezenas de milhares de associados e o Fall Meeting é certamente o maior evento de geociências atualmente. A exposição tem de tudo, contando com estandes altamente disputados como a NASA até uns em que os expositores ficam com cara de coitados porque ninguém para por ali. É sempre uma boa oprtunidade para comprar livros com desconto e concorrer a alguns sorteios.


Categories

%d bloggers like this: